Um homem de 63 anos, utente de um lar de Elvas, no distrito de Portalegre, que estava desaparecido há uma semana, foi deixado no domingo, por uma mulher, no hospital da cidade.

Fonte policial explicou à agência Lusa que o homem, que aparentemente sofre da doença de Alzheimer, foi encaminhado por uma mulher para o Hospital de Santa Luzia, em Elvas, com "problemas de saúde", no domingo, cerca das 20:00.

A polícia disse desconhecer, ainda, se a mulher tinha algum relacionamento familiar com o idoso, dado como desaparecido no dia 20 deste mês.

Segundo a fonte da PSP, o homem, no dia em que desapareceu do lar, "recebeu a reforma, levantou o dinheiro, apanhou um táxi em Elvas e foi para a vizinha cidade espanhola Badajoz".


O homem já regressou, entretanto, ao lar de idosos Júlio Alcântara Botelho, em Elvas, de acordo com a polícia.

A PSP continua a investigar o caso.