O governo deve mais de 10 milhões de euros a quase mil professores, avança o «Jornal de Negócios».

De acordo com o «Negócios», há 954 docentes a receberem menos 245 euros do que o suposto.

Estes professores deviam ter subido de índice remuneratório em 2010 e há mesmo quem tenha salários inferiores a colegas com menos anos de serviço.

A três dias do fim de agosto, a situação ainda não foi regularizada.