A PSP inativou na terça-feira, em Castelo Branco, um engenho explosivo encontrado na zona histórica da cidade por operários que se encontravam a trabalhar na zona do castelo.

De acordo a PSP, após o alerta, dado pelos trabalhadores ao final da manhã de terça-feira, «foram de imediato enviados para o local dois homens da Equipa de Inativação de Engenhos Explosivos e Segurança e Subsolo da Unidade Especial de Polícia (EIEExSS) e mais quatro agentes que isolaram e fizeram a segurança da zona».

Em comunicado enviado à Lusa, a PSP explica ainda que, depois da remoção do engenho [explosivo] do local, os elementos da EIEExSS «procederam à sua inativação em condições de segurança».

Segundo a polícia, feita a análise ao explosivo, «constatou-se que se tratava de um engenho pirotécnico de dimensões apreciáveis e potencialmente de elevada perigosidade, tendo havido risco de vida significativo aquando da sua remoção do local onde foi encontrado».