O Governo admite proibir a venda de carne picada previamente embalada, tal como pede a Deco, mas não avança ainda com esta medida.

 

Para já, foi convocado de emergência o Conselho de Segurança Alimentar. Fonte do ministério da Agricultura disse à TVI que a reunião vai acontecer na quinta-feira de manhã.

 

À mesa vão sentar-se todas as entidades envolvidas, nomeadamente a ASAE, que já recebeu as conclusões da Deco.

 

Entretanto foram pedidos às várias autoridades planos de contingência para «intensificar a fiscalização» a talhos e superfícies que vendem carne picada.

 

A Associação de Defesa do Consumidor desaconselha o consumo de carne de vaca picada comprada a granel. A Deco Proteste analisou 26 talhos, em Lisboa, Porto e Setúbal. Todos chumbaram no que diz respeito à higiene, conservação e adição de conservantes proibidos.