A ASAE apreendeu artigos contrafeitos, dinheiro e uma arma de fogo, num valor a rondar os 56 mil euros, numa operação de investigação à contrafação realizada na zona do Seixal, no distrito de Setúbal, indicou esta terça-feira aquela autoridade.

Em comunicado, a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) adianta que a Unidade Nacional de Informações e Investigação Criminal realizou, na madrugada de domingo, três mandados de busca à residência e aos veículos dos suspeitos de produzirem e comercializarem artigos contrafeitos, sobretudo calçado, em feiras semanais da Grande Lisboa.

No total, a ASAE apreendeu 221 artigos contrafeitos, entre os quais etiquetas e material utilizado na aposição das marcas no calçado, cerca de 4.500 euros em numerário, uma caçadeira ilegal e 143 munições, num valor global que ronda os 56 mil euros.

Segundo a ASAE, esta investigação teve início no final de julho e, na altura, um veículo dos suspeitos foi intercetado quando se deslocava para a Feira do Relógio, em Lisboa, tendo sido apreendidos 629 pares de calçado e respetivas etiquetas, num valor aproximado de 16 mil euros.

Aquele órgão de polícia criminal refere ainda que os arguidos estão sujeitos à medida de coação de Termo de Identidade e Residência.