Na operação, que ocorreu de 25 a 28 de julho em todo o território nacional, foram fiscalizados 1 963 camionistas.

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana (GNR) dá conta de ter registado 1056 transgressões na operação de fiscalização a veículos pesados, chamada "TISPOL – Truck and Bus Operation”, que pretendia "prevenir e identificar infrações relacionadas com este tipo de veículos e respetivos transportes (pessoas e bens)".

Contas feitas, foram registados 283 casos de excesso ou deficiente acondicionamento da carga transportada e 105 transgressões com tacógrafos, como o não cumprimento dos tempos máximos de condução e tempos de pausas e repouso obrigatório. A GNR apanhou ainda 72 camionistas em excesso de velocidade.