Os Jogos de Lisboa estão de volta. O evento desportivo organizado pela Câmara Municipal de Lisboa, em parceria com as novas 24 freguesias, decorreu este fim de semana, e contou com mais de cinco mil jovens atletas. 

A fase local, constituída por várias competições entre freguesias, teve início  em fevereiro e terminou no final do mês de abril.  A importância deste evento desportivo é grande, para a cidade de Lisboa. Movimenta milhares de jovens e crianças e coloca-os a praticar desporto.

“O desporto tem o poder de mudar o mundo.Fala aos jovens numa linguagem que eles entendem. Esta é a visão de Nelson Mandela que inspirou o espírito das Olisipíadas”, diz Jorge Máximo, vereador da CML com o pelouro do desporto.


Com a participação ativa das Juntas de Freguesia, Federações  Desportivas, Clubes e Encarregados de Educação, milhares de  jovens , dos 6 aos 14 anos, puderam experimentar e participar nas diversas modalidades desportivas disponíveis : Basquetebol, Ténis de Mesa, Futsal, Ginástica, Judo, Atletismo, Voleibol, Natação, Andebol, Ciclismo, Rugby e Skate. 

Para Jorge Máximo, “as Olisipíadas visam fomentar o desporto junto das crianças de Lisboa, não apenas como fator de desenvolvimento das sua aptidões físicas e motoras, mas também como fator de educação para os valores de cidadania, participação, identidade e união que pretendemos para o futuro da cidade”.

O Município preparou-se para a Festa Final das Olisipíadas que se pretende que seja uma grande festa desportiva da cidade, dirigida a toda a família, a ter lugar  durante este fim de semana no Estádio Universitário de Lisboa. 

“Pretendemos uma Lisboa cosmopolita e moderna que se move ao ritmo e imagem distintiva das suas novas 24 freguesias. Uma Lisboa colaborativa que promove o envolvimento das redes de parceiros na construção da sua politica desportiva. Uma Lisboa aberta e das famílias que incentiva a prática da atividade física e desportiva como forma privilegiada de fruição da cidade. Uma Lisboa integradora, que valoriza a diversidade, respeita a diferença e chega a todos”.

Neste fim de semana vão realizam-se as competições finais das 12 modalidades em disputa. 

Há ainda cerca de uma dezena de outras modalidades em experimentação, bem como outras atividades e diversões totalmente gratuitas.Para que os dias terminem em grande festa, estão agendados concertos, à noite, para os dois dias do evento. 

No sábado, os Anjos, autores do hino do evento atuaram e domingo, os D.A.M.A encerram a iniciativa, integrados nas Festas de Lisboa 2015.

“Com mais de 5000 inscrições, no primeiro ano, as Olisipíadas são uma aposta ganha e para continuar. Estamos empenhados em construir uma cidade moderna com elevados níveis de educação e cultura desportiva. Uma ambição que é também uma responsabilidade de todas as forças vivas da nossa cidade”, conclui Jorge Máximo.

Lisboa  mexeu-se durante este fim de semana.