A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Leiria, anunciou hoje a detenção de um homem fortemente indiciado pela prática do crime de homicídio na forma tentada, tráfico de estupefacientes e detenção de arma proibida.

Em comunicado, a PJ informa que a detenção surge na sequência de uma agressão na via pública, que sucedeu no dia 16 de setembro, em Caldas da Rainha, "no contexto de uma transação frustrada de produto estupefaciente".

O coordenador PJ de Leiria, António Sintra, acrescentou à agência Lusa que os factos resultam de "uma transação de heroína, que correu mal, entre comprador e vendedor", que culminou com o suspeito a atingir a vítima com um "instrumento corto-perfurante, provocando-lhe perigo para a vida".

O agora detido "saiu de circulação durante algum tempo" e a PJ teve também "necessidade de reunir elementos de prova", informou ainda a mesma fonte, justificando que só no dia 19 foi realizada uma busca ao domicílio do suspeito, onde "foi encontrada e apreendida uma faca de abertura automática, presumivelmente utilizada na perpetração daquele crime", e o homem foi detido.

"Na mesma busca foram encontradas duas estufas apetrechadas para a produção de cannabis sativa L, resultando na apreensão de dezenas de plantas dessa espécie, além de 70 doses médias diárias de heroína, balança de precisão e outros artefactos relacionados com o tráfico de estupefacientes", refere ainda o comunicado.

O detido, com 39 anos, foi presente à autoridade judiciária competente, ficando sujeito à medida de coação de termo de identidade e residência.