Os Bombeiros Sapadores de Braga foram chamados, esta terça-feira à tarde, aos estaleiros da empresa de construção Domingos da Silva Teixeira (DST), na sequência de um "acidente com um camião" do qual resultou a morte de um trabalhador de 43 anos, disse à Lusa uma fonte daquela corporação.

De acordo com a mesma fonte, os bombeiros foram chamados às 14:25 ao local da ocorrência, em Pitancinhos, Palmeira.

A DST anunciou entretanto que "estão a correr averiguações" para apurar as causas do acidente desta tarde nos estaleiros da empresa, em Braga, do qual resultou a morte de um trabalhador.

Num comunicado enviado ao final da tarde à agência Lusa, a construtora com sede em Braga informa que aquele trabalhador estava há 14 anos na empresa e era motorista de pesados.

De acordo com o chefe de piquete no local dos Sapadores de Braga, Pedro Neves, que foram chamados ao local, em Pitancinhos, na freguesia de Palmeira (Braga), cerca das 14.25, o homem "estava encarcerado na cabine de um camião que resvalou por uma ribanceira quando estava a descarregar entulho" estando já cadáver quando chegou a Viatura de Emergência Médica do INEM.

"Estão a decorrer averiguações no sentido de se apurar as causas do acidente, estando o grupo DST a prestar toda a colaboração às entidades competentes", informa a empresa no referido comunicado.

A Domingos da Silva Teixeira é uma das maiores empresas de construção de Braga dedicando-se ainda aos mercados de engenharia, água e ambiente, energias renováveis e telecomunicações.