Um homem de 30 anos foi detido por suspeita de ter baleado dois jovens que se encontravam dentro de um carro, no Porto, a semana passada.

O detido é o presumível autor de cinco crimes de homicídio na forma tentada, dois crimes de dano e um crime de detenção de arma proibida.

Quando três jovens se encontravam dentro de um carro, o suspeito “efetuou vários disparos na direção da mesma” e atingiu dois dos ocupantes.

“As vítimas foram transportadas ao hospital, onde uma delas foi de imediato submetida a uma intervenção cirúrgica, aguardando a outra pela extração de um projétil que tem alojado num braço”, diz a Polícia Judiciária em comunicado.

O jovem que não foi atingido pelos disparos “foi agredido com um pontapé na cabeça e ameaçado com a arma de fogo”.

“O suspeito deslocou-se depois até às proximidades de uma residência e ali voltou a efetuar vários disparos, atingindo uma parede e a janela de uma dependência onde se encontravam duas pessoas, não as atingindo.”

O detido tem antecedentes criminais pela prática de crimes de roubo, furto, posse de arma proibida e tentativa de homicídio e ficou em prisão preventiva.