Poderá ter sido um despiste que originou o choque que envolveu oito viaturas, esta terça-feira de manhã, na A4, entre Baltar e Paredes, no sentido Porto - Amarante, mas à TVI o comandante dos bombeiros de Baltar, Delfim Cruz, disse que não era possível confirmar a causa do acidente.

O comandante confirmou sim que o alerta foi dado pela 8:10 e que não houve danos humanos a lamentar, apenas alguns condutores mais magoados do impacto. Todos foram assistidos no local.

A GNR acabou por cortar, por algum tempo, a autoestrada para que fosse possível proceder à remoção das viaturas da via, sendo que um dos carros ficou bastante danificado, embora não chegasse a haver capotamento, disse Delfim Cruz.

No local também já está a ser feita a limpeza do pavimento, pelo que não faltará muito para que a A4 volte à normalidade, naquele local.