Um homem, de 61 anos, morreu esta quinta-feira vítima de acidente de trabalho, após ter sido atropelado por um veículo pesado nas obras de requalificação do IP2 no concelho de Beja, disse à agência Lusa fonte da GNR.

Segundo a fonte, o homem, natural de Várzea, no concelho de Amarante, no distrito do Porto, foi atropelado cerca das 13:00 durante trabalhos no Itinerário Principal (IP) 2, no cruzamento do nó da localidade de Trindade, no concelho de Beja.

O homem, trabalhador de uma empresa de construção civil, foi atropelado por um veículo pesado, que estava a operar na zona e cujo condutor não o terá visto, explicou a fonte, referindo que a vítima foi transportada em "estado grave" para o hospital de Beja, onde acabou por morrer.

Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja, o alerta para o acidente foi dado às 13:11 e as operações de socorro à vítima evolveram uma ambulância e três operacionais dos bombeiros de Beja, a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) de Beja e a GNR.

Contactado pela Lusa, o diretor da Unidade Local do Litoral e Baixo Alentejo da Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT), Carlos Graça, disse que a instituição abriu um inquérito para averiguar as circunstâncias do acidente de trabalho.

Por se tratar de um acidente de trabalho, uma equipa de inspetores da ACT deslocou-se ao local para recolher elementos para desenvolver as averiguações necessárias e elaborar o inquérito, explicou Carlos Graça.

(Foto de arquivo)