A GNR apreendeu, na Avenida Almirante Reis, em Lisboa, mais de 5.500 artigos contrafeitos no valor de cerca de 70 mil euros, em ações de fiscalização realizadas na última semana. Entre o material apreendido pela GNR “encontravam-se diversos artigos de medicamentos de venda proibida e peças de vestuário e acessórios contrafeitos”.

Em comunicado, a GNR adianta que as ações de fiscalização foram realizadas “no âmbito dos impostos especiais sobre o consumo e do regime jurídico dos medicamentos de uso humano”.

Na operação “foram elaborados diversos autos de notícia no âmbito do imposto sobre bebidas alcoólicas, por introdução irregular no consumo, e no âmbito de medicamentos contrafeitos, com os dizeres em estrangeiro que são de comercialização proibida em qualquer estabelecimento que não sejam farmácias autorizadas”.

A GNR elaborou ainda autos de notícia “por infração ao código da propriedade industrial”.