O homem suspeito de matar a namorada na Amadora, na terça-feira, ficou hoje em prisão preventiva, depois de ter sido presente ao tribunal de Sintra, disse à Lusa fonte da Polícia Judiciária.

O detido tem 43 anos e é suspeito de esfaquear mortalmente a namorada, de 20, à porta da casa onde ambos residiam na freguesia da Encosta do Sol, na Amadora.

Fonte policial disse à agência Lusa que a PSP apurou a identidade do suspeito através de testemunhas, algumas delas familiares do homem, que era já conhecido pelas autoridades e que já tinha cumprido pena de prisão pelo mesmo tipo de crime.

De acordo com a mesma fonte, o suspeito tinha uma relação amorosa com a vítima e este terá sido mais um episódio de violência.