O Instituto Português e do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou este sábado todos os distritos de Portugal Continental em aviso amarelo por causa da chuva forte e trovoada previstas para as próximas horas.

Com exceção de Beja e Faro, todos os distritos estão sob aviso amarelo desde as 15:00 até às 21:00, devido à chuva, que pode ser forte e acompanhada de trovoada.

Para os distritos de Beja e Faro, o IPMA não prevê cenários de precipitação forte e trovoadas durante este sábado.

No entanto, aquele instituto colocou em aviso amarelo todos os 18 distritos de Portugal Continental entre as 06:00 e as 21:00 de domingo, devido à previsão do regresso da chuva forte e de trovoadas frequentes.

O aviso amarelo é o segundo menos grave dos avisos meteorológicos.

Segundo o meteorologista Ricardo Tavares, domingo será mesmo o dia «mais gravoso» e poderá obrigar a alterar o aviso meteorológico.

«Amanhã [domingo], teremos a situação mais gravosa. Na segunda e terça-feira, os dias serão melhores. Ainda terão precipitação, mas menos intensa», afirmou, referindo que a chuva, na terça-feira, afetará sobretudo as regiões do Norte e Centro.

«Depois, na quarta-feira, prevê-se novamente precipitação mais intensa», disse Ricardo Tavares à Lusa.

O meteorologista explicou que Portugal Continental está sob a influência de uma depressão, que está a causar este mau tempo.

«O território estava sob a influência de um anticiclone que se estendia em crista até à Península Ibérica, mas que se dissipou, ficando sob influência de uma depressão situada a oeste do território, no Atlântico», afirmou.