Dois suspeitos de tráfico de droga foram hoje detidos pela GNR nas localidades alentejanas de Pias (Serpa) e Longueira (Odemira), tendo os militares apreendido vários tipos de droga, como canábis e heroína, anunciou a força de segurança.

O alegado traficante detido em Pias, no âmbito de uma busca domiciliária, já foi, entretanto, presente ao Tribunal de Serpa para primeiro interrogatório judicial, mas o Comando Territorial de Beja da GNR não divulgou a medida de coação aplicada.

A detenção deste homem, de 43 anos, foi efetuada pelo Destacamento Territorial de Moura da GNR, no âmbito da investigação de um processo-crime.

Na residência, os militares apreenderam quatro pés de canábis, com 2,30 metros de altura, e um fragmento do mesmo estupefaciente com 1,2 gramas de peso.

Da apreensão, constam também dois sacos com sementes e cerca de 147 gramas de folhas de canábis, um garrafão com adubo para plantas e 160 euros em notas.

O outro suspeito, de 37 anos, detido na Longueira, foi entretanto libertado e notificado para comparecer, na quarta-feira, no Tribunal do Alentejo Litoral, em Odemira.

O homem foi detido pelo Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial de Odemira.

Segundo a Guarda, foram-lhe apreendidos 14 pés e 13 sementes de canábis, 9,75 gramas de haxixe e 9,25 gramas de heroína.

Uma balança digital de precisão, 26 frascos de metadona, diversos sacos blister e recortes de embalamento de produto estupefaciente, assim como 385 euros em dinheiro, completam a apreensão.