Três homens e uma mulher foram detidos no aeroporto da Portela, em Lisboa, e cerca de 2.500 gramas de cocaína foram apreendidos pela Polícia Judiciária (PJ).

De acordo com agência Lusa, os detidos, têm idades compreendidas entre os 21 e os 41 anos e foram interrogados por um juiz de instrução criminal que lhes aplicou a prisão preventiva como medida de coação.

Segundo a PJ, a cocaína, oriunda do Brasil, foi transportada para Portugal, por via aérea, com recurso a diferentes formas de dissimulação - no interior do organismo, em palmilhas de ténis e na estrutura da bagagem.

A droga apreendida era suficiente para, aproximadamente, duas mil doses individuais.

A operação antidroga esteve a cargo da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes da PJ.