A PJ anunciou esta quinta-feira a detenção, no aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, de um homem e de uma mulher portugueses, provenientes da América Latina, que transportavam na bagagem cocaína suficiente para 153 mil doses individuais.

A detenção ocorreu "nos últimos dias" depois de ter sido apreendida, na posse do casal, “elevada quantidade de cocaína, transportada de um país da América Latina para Lisboa nas respetivas bagagens", indicou a PJ, numa nota.

As autoridades indicaram ainda que, caso chegasse "aos circuitos ilícitos de distribuição", a cocaína seria suficiente para a composição de pelo menos 153 mil doses individuais.

Os dois detidos, de 25 e 27 anos, foram presentes a primeiro interrogatório judicial, ficando ambos em prisão preventiva.

As detenções ocorreram no quadro do controlo que regularmente é exercido sobre os movimentos de passageiros com origem em países considerados de risco, tendo em vista a prevenção da introdução de produtos estupefacientes em território nacional e noutros países europeus através dos aeroportos internacionais, salientou a PJ.