O vento forte que se faz sentir na zona do aeroporto Cristiano Ronaldo, na Madeira, obrigou nesta quarta-feira ao desvio de seis aeronaves para outros destinos, informou fonte da estrutura aeroportuária.

Desde esta manhã que não conseguiu aterrar nenhum avião dos previstos", informou a mesma fonte.

Na ilha do Porto Santo está um avião da Easyjet proveniente de Bristol, para além de que o avião que faz as ligações inter-ilhas ainda não ter saído para o primeiro voo da manhã. Isto numa altura em que o navio Lobo Marinho encontra-se em manutenção, deixando a localidade completamente isolada, caso o vento diminua.

A companhia britânica Easyjet tem, pelas informações prestadas às 11:45, quatro voos desviados, com alguns a voltarem à origem e outros redirecionados.

A companhia portuguesa TAP tem duas ligações desviadas para Lisboa e Porto.

As condições atmosféricas no extremo leste da ilha, local do aeroporto, "deverão manter-se até ao final do dia".

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera emitiu um aviso amarelo para o vento, em que as rajadas naquele local da ilha podem chegar até 100 km/h.