O presidente do Governo dos Açores apelou à mobilização dos emigrantes nos EUA em relação às Lajes, dizendo ser necessário sensibilizar os responsáveis norte-americanos para o impacto da redução da presença militar na base da ilha Terceira.

«Este é um bom assunto para mobilizar toda a comunidade portuguesa, toda a comunidade açoriana, no sentido de defender os Açores e a nossa Região relativamente aos efeitos muito nefastos, muito negativos, que essa decisão pode acarretar», afirmou Vasco Cordeiro, numa entrevista conjunta a três meios de comunicação social da comunidade portuguesa nos EUA (rádio WJFD, jornal Portuguese Times e Canal 20).

O presidente do Governo Regional dos Açores reiterou, citado numa nota da sua assessoria de imprensa, que a suspensão, durante 2014, da retirada das Lajes de parte significativa do contingente militar norte-americano, como tinha anunciado o executivo dos EUA, ainda tem de ser aprovada pelo Senado, não sendo por isso ¿um assunto encerrado¿.

«Agora temos de continuar a trabalhar porque esta é uma questão que ainda vai ao Senado, que ainda tem que ser aprovada no Senado», sublinhou Vasco Cordeiro, dizendo ser importante o papel que podem ter os emigrantes açorianos.

«É este apelo à mobilização dos emigrantes açorianos em defesa da sua terra que eu deixo aqui, no sentido de fazerem sentir aos senadores dos seus estados a importância deste assunto ser aprovado no Senado nos termos em que saiu da Câmara dos Representantes¿, afirmou.

Para Vasco Cordeiro, a decisão dos EUA de diminuírem a sua presença nas Lajes tem «aspetos que não foram tidos em conta e que precisa de ser reavaliada», referindo que se se concretizar poderá haver um aumento do desemprego na ilha Terceira de 30% a 40% e uma queda do PIB que pode chegar aos seis por cento.

Assim, apelou «a todos os açorianos para que, junto do senador do respetivo Estado, façam sentir através de e-mail, de carta ou de qualquer outra forma, a imperiosa necessidade de serem tomadas em consideração estes interesses e o impacto que esta decisão poderá causar na frágil economia da ilha Terceira».

Vasco Cordeiro está de visita aos Estados Unidos da América para participar como «convidado de honra» nas Grandes Festas do Divino Espírito Santo da Nova Inglaterra, que decorrem em Fall River (Massachusetts), e são consideradas a maior manifestação cultural açoriana na diáspora, refere a Lusa.