Uma viatura dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital ardeu hoje à tarde no incêndio que lavra naquele concelho, sem provocar feridos, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Coimbra.

A mesma fonte adiantou que a situação se verificou cerca das 16:00 na localidade de Caldas de São Paulo, envolvendo um veículo operacional de apoio que ficou «completamente destruído».

Em menos de duas semanas, esta é a quinta viatura de bombeiros a ser destruída pelas chamas no distrito de Coimbra.

No dia 11, em Penacova, quatro viaturas de bombeiros, duas dos voluntários de Penacova, uma da corporação de Vila Nova de Poiares e outra da corporação de Brasfemes foram consumidas pelo fogo, tendo os bombeiros que seguiam nos carros conseguido escapar sem sofrer ferimentos.

O incêndio que deflagrou hoje à tarde em Oliveira do Hospital, no distrito de Coimbra, mobilizava 243 operacionais às 18:00, sendo o que envolvia mais meios de entre os 29 fogos florestais ativos no continente, segundo a Proteção Civil.

No total, mais de mil bombeiros estão esta tarde mobilizados para combater os 16 fogos mais significativos.

De acordo com a página da Autoridade Nacional da Proteção Civil na Internet, os 243 operacionais que combatem o incêndio que lavra na localidade de Penalva de Alva são apoiados por 60 veículos.