Um homem de 22 anos foi condenado a 14 anos de prisão pela prática de um crime de violação e de dois de abuso sexual, perpetrados sobre três crianças, comunicou hoje a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL).

Em acordão de 04 de outubro, a 6.ª Vara Criminal de Lisboa condenou ainda o homem ao pagamento a dois irmãos menores, filhos do cônjuge do arguido, de uma quantia de 19 mil euros de indemnização e fixou nove mil euros a outra criança.

De acordo com a PGDL, os crimes foram cometidos em Lisboa, no período compreendido em data anterior a novembro de 2010 e a data da detenção pela Polícia Judiciária, a 05 de agosto de 2012.

O homem esteve preso preventivamente desde que foi detido. Foi acusado a 05 de dezembro de 2012 e pronunciado a 24 de janeiro deste ano.