O autotanque dos bombeiros da Amadora, corporação do distrito de Lisboa, capotou esta quarta-feira, num caminho rural junto ao mosteiro de São Tiago, na Sertã. 

O acidente fez dois feridos ligeiros.

O veículo prestava auxílio no combate ao incêndio que lavra naquele concelho do distrito de Castelo Branco.

Em declarações à Lusa, fonte dos Bombeiros Voluntários da Amadora disse que o autotanque capotou e “caiu numa ravina de 15 metros de altura”. Um dos dois ocupantes da viatura ficou encarcerado, mas ambos foram dados como feridos ligeiros.

Os dois bombeiros, que ajudavam no combate às chamas que lavram no concelho da Sertã, foram transportados para o Hospital de Castelo Branco por uma questão de precaução.

Apesar do acidente, o incêndio no concelho da Sertã, em Castelo Branco, estava às 23:50 de quarta-feira em curso com uma frente ativa e, apesar de não estar ainda dominado, “está a encaminhar-se para tal”, segundo a Proteção Civil.

O incêndio no concelho da Sertã está a ser combatido por 386 bombeiros, auxiliados por 103 viaturas.