O presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, entregou esta quinta-feira ao antigo Presidente da República Mário Soares o diploma de deputado honorário, disse à agência Lusa fonte oficial do parlamento.

Simbolicamente, este foi o primeiro diploma atribuído aos antigos deputados constituintes. A entrega foi feita na Fundação Mário Soares, em Lisboa, também na presença dos vice-presidentes da Assembleia da República Jorge Lacão (PS), Duarte Pacheco (PSD), José Manuel Pureza (Bloco de Esquerda) e Teresa Caeiro (CDS-PP).

A 31 de março, o parlamento aprovou por unanimidade a atribuição de títulos de deputados honorários aos antigos membros da Assembleia Constituinte de 1975-1976, no âmbito da comemoração dos 40 anos da Constituição da República.

Às 12:00, será a vez de o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, receber o diploma de deputado honorário, no Palácio de Belém.

Já da parte da tarde, pela 17:00, no parlamento, serão distinguidos os restantes constituintes e, segundo informação avançada à agência Lusa pelo gabinete do presidente da Assembleia da República, está confirmada a entrega deste diploma a 121 deputados.

Nesta cerimónia, no Salão Nobre da Assembleia da República, usam da palavra o presidente do parlamento, Ferro Rodrigues, e antigos constituintes que são atualmente deputados, casos de Helena Roseta e Miranda Calha, ambos do PS, e do secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa.

Em nome dos antigos deputados constituintes, falará também o constitucionalista e professor universitário de Direito Jorge Miranda.