A PSP de Viseu anunciou ter identificado, esta terça-feira de manhã, dois alunos de 15 e 17 anos, na Escola Secundária Emídio Navarro, um por posse de haxixe e outro de arma branca.

A operação de prevenção criminal junto a este estabelecimento de ensino contou com mais de duas dezenas de elementos da Esquadra de Investigação Criminal, da Escola Segura da PSP e do Grupo Operacional Cinotécnico/ Unidade Especial de Polícia.

Em comunicado, a PSP explica que “a operação foi levada a efeito com a colaboração da direção da referida escola e, além de se ter procedido a revistas, houve buscas nas salas de aula e cacifos por parte dos binómios de deteção de drogas e armas”.

Este tipo de ações normalmente é dirigida para um pequeno grupo de alunos e visa essencialmente a prevenção de comportamentos ilícitos nos meios escolares”, justifica.

Um dos alunos identificados foi notificado para se apresentar na Comissão para a Dissuasão da Toxicodependência de Viseu, por “a droga apreendida ter pesagem inferior à estipulada por lei para ser enquadrado em ilícito criminal”.

No que respeita ao jovem que foi identificado por ter na sua posse a arma branca, o expediente foi “remetido ao DIAP (Departamento de Investigação e Ação Penal) de Viseu”, acrescenta.

Segundo a PSP, este tipo de ações incide “sobretudo nas imediações das escolas da cidade onde existem alguns fenómenos relacionados com tráfico/consumo de droga e de pequena criminalidade e nas escolas quando é solicitada a presença policial”.

Insere-se na política de prevenção criminal e comportamental que esta polícia tem definido para este público-alvo”, sublinha.