TVI













Segundo o porta-voz da Marinha, comandante Paulo Vicente, a “embarcação está num sítio inacessível e ninguém consegue alcançá-la”, devido às condições do mar.

“Está a chegar um meio aéreo e o navio de patrulha oceânico 'Figueira da Foz'”, disse na altura à Lusa o porta-voz da Marinha, explicando a que vários meios, incluindo motas de água, tentaram alcançar o local onde a embarcação naufragou, mas sem sucesso devido à agitação marítima.