A farmacêutica Pfizer arrecadou 43,3 mil milhões de dólares (34,1 mil milhoes de euros) com a venda de medicamentos em 2008, ficando em primeiro lugar da tabela das farmacêuticas que mais facturaram no ano passado, segundo estimativas da norte-americana IMS Health.

De acordo com a Lusa, os números divulgados excluem a venda de aparelhos médicos, produtos médicos para animais e alguns produtos meditos para consumo generalizado.

Compra Wyeth por 52 mil milhões

Em segundo lugar da tabela surge a GlaxoSmithKline, a arrecadar 36,5 mil milhões de dólares, seguida da Novartis com 36,2 mil milhões de dólares em vendas, a Sanofi-Aventis com 35,6 mil milhões de dólares e a Roche com 30,3 mil milhões.

Na segunda metade da tabela, surge a Johnson & Johnson, na sexta posição, com 29,4 mil milhões de dólares em vendas, a Merck & Co. com 26,2 mil milhões de dólares em sétimo lugar, a Abbot em oitavo lugar, arrecadando 19,5 mil milhões de dólares, a Eli Lilly com 19,1 mil milhões de dólares na nona posição e a Amgen, a ocupar o décimo lugar, registando 15,8 mil milhões de dólares com a venda de medicamentos.