A bolsa de Lisboa encerrou esta terça-feira no vermelho, com o PSI20 a perder 0,23% para 6.046,24 pontos. Esta foi, mesmo assim, a menor queda da Europa.

A banca voltou a estar em destaque pela negativa, com o BES a liderar as perdas, ao ceder 4,48% para 5,44 euros, invertendo a tendência positiva das últimas sessões. Ontem os accionistas do banco aprovaram o aumento de capital da instituição, no valor de 1,2 mil milhões de euros.

O BCP também recuou 1,75% para 62 cêntimos e o BPI 0,72% para 1,52%. A seguradora Eureko, uma das maiores accionistas do banco e histórica apoiante de Jardim Gonçalves, está contra o fim do Conselho Superior da instituição e avança com uma lista alternativa para o órgão, o que apanhou todos de surpresa.

No resto da Europa, as perdas são mais acentuadas e chegam perto de 1,5%. Já nos EUA, Dow Jones e Nasdaq seguem em alta.