O cabeça de lista da CDU às europeias, João Ferreira, afirmou hoje a importância das pessoas exercerem o seu direito de voto para «poderem defender outros direitos também».

«É importante que as pessoas exerçam este direito para poderem defender outros direitos também. Que olhem para as suas vidas, que olhem para a vida do país e façam aquilo que acham melhor e mais acertado para acrescentarmos um sentido de esperança e de confiança a um certo desalento e a uma resignação», disse o candidato ao Parlamento Europeu.

Depois de votar numa escola da Ameixoeira, em Lisboa, João Ferreira declarou aos jornalistas que tem feito o possível para chamar a atenção dos portugueses para a importância de exercerem o direito de voto e assim defenderem os seus direitos.

«Esperamos que o maior número de pessoas possa, neste dia, dizer de sua justiça, do que pensa das suas vidas, do que pensa da situação do país e que o faça através do voto», cita a Lusa.

Perto de 9,7 milhões de eleitores são hoje chamados a eleger os 21 deputados portugueses no Parlamento Europeu, menos um do que há cinco anos.

No total, concorrem 16 listas, mais três do que nas europeias de 2009.

No total, serão eleitos 751 eurodeputados pelos 28 Estados-membros da União Europeia, que representarão cerca de 500 milhões de cidadãos da UE nos próximos cinco anos.