“Um açoriano que tem a necessidade de recorrer aos cuidados médicos no SNS não deve pagar esses cuidados médicos, da mesma forma que um continental que recorre aos cuidados médicos no SRS não paga esses cuidados médicos”, explicou o governante.