O Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Pedro Santana Lopes, lamentou hoje a morte de Eusébio, considerando que Portugal «perdeu hoje o seu ícone desportivo».

«Figura ímpar, Eusébio, proporcionou grandes momentos aos portugueses que tanto vibraram com os seus sucessos. Deu muitas alegrias mesmo a quem vivia com tristeza», refere o antigo presidente do Sporting, numa declaração sobre a morte do ex-jogador do Benfica, lembrando ainda que Eusébio foi sempre admirado por todos os adeptos, «até os dos maiores rivais».

Para Santana Lopes, as qualidades pessoais de Eusébio contribuíram para que o ex-jogador se tenha tornado num «enorme embaixador» de Portugal.

«O seu exemplo continuará sempre a representar uma honra para os portugueses em todo o mundo», acrescenta.

Eusébio da Silva Ferreira morreu hoje às 04:30 vítima de paragem cardiorrespiratória.