Cavaco Silva afirma que a maioria governamental lhe prometeu uma sintonia duradoura.

Sobre a moção de confiança discutida ontem no Parlamento, o Presidente da República espera agora prioridade do executivo para a promoção da retoma económica e combate ao desemprego.

«O Governo tem um apoio maioritário na Assembleia da República e essa é uma condição necessária para se completar uma legislatura. Acima de tudo, o que desejamos é que o Governo governe bem e que atribua prioridade ao crescimento económico, ao combate ao desemprego, como aliás tem sido ultimamente sublinhado, conseguindo um melhor equilíbrio entre a consolidação das contas públicas e a promoção da retoma económica. Neste momento existem alguns indicadores que apontam para uma inversão da tendência da nossa economia, mas agora é preciso consolidá-la», frisou, passando a comentar a moção de confiança:

«Os dois partidos da coligação assumiram comigo o compromisso de manter e reforçar a coesão governamental e de alcançar, de forma duradoura, uma sintonia em relação às principais políticas económicas e sociais. Esperamos para ver».