Passo Coelho termina, esta quinta-feira, uma visita oficial de um dia e meio ao México. No seu discurso oficial ao lado do presidente mexicano, quarta-feira, é visível uma bandeira portuguesa e uma bandeira mexicana. No entanto, com um olhar mais atento é fácil perceber que a bandeira nacional não é bem aquela que conhecemos.

Segismundo Pinto, do Instituto Português de Heráldica, explicou à rádio Renascença que se «trata de uma versão não oficial da bandeira da República Portuguesa, seguramente não executada em Portugal».

Normalmente, o país visitado organiza o evento e trata da logística e estas situações podem acontecer. Aliás, Segismundo Pinto diz que têm acontecido muitos casos destes «nos últimos anos». E sugere que «os serviços oficiais do protocolo de Estado dos governantes ou Presidente da República se façam acompanhar de bandeiras» oficiais.