O PSD vai «analisar os termos e conteúdo» das palavras do Presidente da República» no sentido de «tomar as diligências» para «lhe dar uma resposta».

Foi esta a reação do PSD ao «compromisso de salvação nacional» pedido pelo Presidente da República nesta quarta-feira, dada por Luís Montenegro numa comunicação - sem direito a perguntas - dividida em quatro ideias.

O líder da bancada parlamentar do PSD frisou a consideração dos «efeitos nefastos que eleições antecipadas poderiam trazer para o país». «Não podíamos estar mais de acordo», disse Montenegro sublinhando a «visão similar» que t~em PSD e primeiro-ministro numa «solução» que mantenha «a estabilidade e coesão no Governo».

A respeito do «apelo do presidente aos partidos», Luís Montenegro disse que «é com esse espírito de compromisso» que os sociais-democratas» têm «exercido o mandato». «Vamos analisar os termos e o conteúdo do apelo do Presidente para tomar as diligências para lhe dar uma resposta».

O líder parlamentar do PSD destacou por último «as palavras do Presidente de que temos um Governo em plenitude de funções».