Augusto Santos Silva espera que os partidos da oposição não peçam ao Tribunal Constitucional para ser oposição ao governo. Na TVI24, o comentador afirmou, no entanto, que é natural que o PS peça a fiscalização sucessiva do orçamento deste ano.

«É natural que PS faça novo pedido de fiscalização sucessiva este ano», disse o comentador na antena da TVI24.

«Já todos percebemos que nunca haverá segundo resgate. Se houver chamar-se-á programa cautelar linha B», pelo que Augusto Santos Silva disse que o PS deve fazer depender o apoio a um programa cautelar de eleições antecipadas.

Na TVI24, esta terça-feira, Santos Silva admitiu que quando passa na sede do PS tem vontade de dizer «acordai» à direção do partido...

«Muitas vezes apetece dizer 'acordai' quando se passa na sede do PS», ironizou o comentador.