Um grupo de cerca de 60 personalidades e cidadãos advoga a convergência da esquerda nas eleições europeias. O antigo militante do Bloco de Esquerda Daniel Oliveira e o economista José Reis são dois dos promotores do «Manifesto 3 D - Dignidade, Democracia e Desenvolvimento», que foi esta terça-feira à tarde apresentado em Lisboa.

Propomos «a construção de um polo político capaz de travar aquilo que nos é apresentado como futuro trágico do Bloco Central», disse Daniel Oliveira.

Além de proporem uma lista convergente às Europeias, querem também combater a hipótese de um novo Bloco Central e acabar com a austeridade em Portugal.

Entre os subscritores, encontram-se Ricardo Araújo Pereira, os realizadores António Pedro Vasconcelos e João Botelho e ainda a médica Isabel do Carmo.

Os promotores não excluem a criação de um partido político.