Xanana Gusmão explicou, numa entrevista à agência Lusa, porque é que o seu governo decidiu expulsar os magistrados portuguese

«Muita água terá de correr» para Portugal voltar a cooperar a sério com Timor-Leste