Alguns socialistas estão a utilizar as redes sociais para reagir à libertação de José Sócrates, que esta sexta-feira viu a medida de coação revista para prisão domiciliária sem vigilância eletrónica.

O deputado José Lello foi, até agora, o mais eufórico:

 

Menos direto ao assunto foi o ex-diretor de campanha de António Costa, Ascenso Simões:




O movimento de apoio a José Sócrates também usou as redes sociais para reagir:

 
 

Este Movimento não para, não pode parar!Hoje estamos, de certo modo, eufóricos!!! da dureza da prisão em...

Posted by Movimento Cívico José Sócrates "Sempre" on  Sexta-feira, 4 de Setembro de 2015