«A situação está ainda muito delicada. É preciso mais esforço, mais trabalho, mais empenho». «Os dados são, neste momento, flutuantes» , porque há uma diminuição em termos homólogos mas um aumento face ao mês anterior


subida da taxa de desemprego para 14,1% em fevereiro

«doloroso desmentido» para o Governo



«Esta crise que Portugal tem atravessado fez aumentar fortemente o desemprego, mas ele tem vindo a diminuir significativamente». «Depois de se atingir o pico do desemprego, de cerca dos 17%, há dois anos, temos vindo sempre a verificar um decréscimo»








«Há sempre umas largas centenas de milhares de cidadãos que não estão inscritos ou que não são contabilizados na estatística do desemprego, por diversas razões, acho que nunca foi feito um estudo profundo e real sobre essa matéria»