Conselheiros de Estado vaiados à saída

Dezenas de pessoas mantiveram-se até ao fim da reunião em frente ao Palácio de Belém

Por: tvi24    |   22 de Setembro de 2012 às 01:30
«Cobardes» e «gatunos», gritaram bem alto algumas dezenas de manifestantes que permaneceram em frente ao Palácio de Belém até ao final da reunião do Conselho de Estado.

«O povo unido jamais será vencido» foi também outra das palavras de ordem ouvidas no final da reunião dos conselheiros de Estado.

Os manifestantes gritavam e assobiavam enquanto saíam do palácio presidencial, pela porta principal, as viaturas em velocidade acelerada, constatou a Lusa no local.

Vários milhares de pessoas voltaram esta sexta-feira às ruas em várias cidades do país para protestar contra as medidas de austeridade enquanto os conselheiros de Estado reuniram no Palácio de Belém, em Lisboa.

O protesto com maior número de pessoas decorreu junto ao palácio presidencial, onde milhares gritaram desde as 17:00 palavras de ordem e mostraramm o descontentamento com vários cartazes contra as políticas de austeridade.
PUB
FOTOGALERIA:
Vigília à porta do Palácio de Belém

Vigília à porta do Palácio de Belém [Reuters] EM CIMA: Vigília à porta do Palácio de Belém [Reuters]
COMENTÁRIOS

PUB
Tsipras: saída do euro teria "custo enorme" para a Europa

Primeiro-ministro grego deu uma entrevista à televisão ERT em que diz não acreditar que o plano seja retirar a Grécia da zona Euro. Alexis Tsipras diz ainda que acredita que um "não" no referendo vai dar mais armas à Grécia para continuar as negociações em busca de um acordo. Atenas já assumiu que não vai pagar ao FMI esta terça-feira, mas Tsipras lembra que tem o telefone sempre ligado