«A ocultação de prejuízos na Espírito Santo International (ESI) remonta, pelo menos, a 2008. Neste ano, em plena crise financeira internacional, o Governo de então decidiu nacionalizar o BPN. Na sequência da crise financeira internacional e da situação da banca portuguesa em especial, o Banco de Portugal ordenou que fosse efetuada alguma inspeção transversal, mais intrusiva, aos bancos portugueses? Se sim, quando e em que regime?»




«Pode resumir o conteúdo dessa reunião, o que lhe foi pedido e que diligências fez? No âmbito do acompanhamento das instituições financeiras por parte da designada troika, nunca foi alertado para eventuais problemas no BES?»


«Teve, enquanto ministro das Finanças, encontros ou reuniões com Ricardo Salgado ou algum outro membro do BES/GES onde tivessem sido abordados eventuais problemas nos referidos grupos?»