A Assembleia da República aprovou esta sexta-feira, por unanimidade, o prolongamento do prazo de funcionamento da comissão parlamentar de inquérito ao BES por mais dois meses.

A comissão de inquérito «à gestão do BES e do Grupo Espírito Santo, ao processo que conduziu à aplicação da medida de resolução e às suas consequências, nomeadamente quanto aos desenvolvimentos e opções relativos ao GES, ao BES e ao Novo Banco» começou os trabalhos a 9 de outubro.

«A comissão tem reunido assiduamente e procedeu já a um vasto conjunto de audições, algumas das quais ainda não se encontram transcritas. Apesar do trabalho realizado, existe ainda um conjunto de audições a realizar e aguarda-se ainda documentação e informação de diversas entidades, bem como o envio de depoimentos escritos sem os quais a Comissão não pode concluir os seus trabalhos», justifica a deliberação aprovada.

A Assembleia da República aprovou também por unanimidade a deslocação do Presidente da República a Espanha.