Nove chefes de Estado europeus reúnem-se segunda e terça-feira no Mosteiro de Tibães, em Braga, para o 10º encontro do Grupo de Arraiolos, que este ano terá como temas a energia, imigração e investigação e inovação.

Este ano, o encontro contará com a participação do ex-Presidente da República Jorge Sampaio, que fará o «keynote speech» da sessão de trabalho dedicada à imigração.

O Grupo de Arraiolos foi criado em 2003 precisamente por Jorge Sampaio e desde essa data junta informalmente, com periodicidade anual, os chefes de Estado de Portugal, Alemanha, Áustria, Eslovénia, Finlândia, Hungria, Itália, Letónia e Polónia - fundamentalmente, sem poderes executivos.

O objetivo dos encontros é proporcionar um debate aberto e informal entre os chefes de Estado destes países, designadamente sobre questões europeias.

Este ano, não estarão presentes os representantes da Eslovénia e de Itália, mas, à semelhança, do que já aconteceu o ano passado, irão participar como convidados os chefes de Estado da Bulgária e da Estónia.

De acordo com o programa divulgado esta quinta-feira pela Presidência da República, na segunda-feira de manhã, ainda antes do início do encontro dos nove chefes de Estado, o Presidente da República português terá reuniões bilaterais com os homólogos da Finlândia e da Bulgária, num hotel de Braga.

O início da reunião do Grupo de Arraiolos acontecerá só da parte da tarde, com a primeira sessão de trabalho - que terá como tema a energia. O «keynote speech» será da responsabilidade do Presidente da Polónia.

Segundo fonte da Presidência da República, esta sessão poderá representar também uma oportunidade para os chefes de Estado debaterem questões como a crise da Ucrânia.

Pelas 17:00 terá início a segunda sessão de trabalho, que contará com a presença do ex-Presidente da República Jorge Sampaio e terá como tema a imigração.

À noite, os nove chefes de Estado participam num jantar que decorrerá no salão medieval da reitoria da Universidade do Minho.

Na terça-feira, logo pela manhã, e ainda antes do início da terceira sessão de trabalho, os chefes de Estado irão visitar o Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia.

Dali, os Presidentes partirão para o Mosteiro de Tibães, onde pelas 10:30 terá início a terceira sessão de trabalho que terá como tema «o papel da investigação e inovação na promoção do crescimento, da competitividade e na criação de emprego».

No final, os chefes de Estado darão uma conferência de imprensa conjunta, partido de seguida para o Bom Jesus, onde irá decorrer um almoço oferecido pelo presidente da câmara de Braga, Ricardo Rio.