A eurodeputada socialista Ana Gomes quer que a Procuradoria-Geral da República proceda a uma auditoria à questão da alegada lista de contribuintes VIP. Ana Gomes diz mesmo que os «criminosos estão a tomar conta do Fisco».
 
«É um caso gravíssimo que exige uma auditoria da Procuradoria-Geral», defendeu, esta sexta-feira, na TVI24.
 
Ana Gomes criticou ainda o Ministério das Finanças por ter saído em defesa da alta funcionária da Autoridade Tributária, que tem uma conta no HSBC da Suíça. Ao contrário de Carlos Abreu Amorim, deputado do PSD, a eurodeputada não parte do princípio que os fundos ali depositados tenham uma origem legítima.