O secretário-geral do PS e primeiro-ministro António Costa sustentou esta terça-feira na Figueira da Foz que 2017 vai ser "seguramente" o ano de maior crescimento económico desde o início do século.

Seguramente vai ser o ano de maior crescimento económico desde o princípio deste século", disse António Costa, discursando na sessão de apresentação da recandidatura de João Ataíde à presidência da Câmara da Figueira da Foz.

No discurso, o líder socialista garantiu ainda que "todos os portugueses pagam hoje menos impostos" e que, ao contrário do que diziam os críticos, "foi possível melhorar o rendimento das famílias portuguesas", cifrando esse aumento em cerca de 10%.

António Costa frisou ainda que com a redução das taxas moderadoras na Saúde, os portugueses pagaram "menos 62 milhões de euros nos últimos dois anos", adiantando ainda que no setor há hoje mais seis mil profissionais em funções.