«A União Europeia precisa de uma política de segurança e defesa inteligente e estratégica, que integre as dimensões externa e interna, com meios substantivos, e que combine serviços de inteligência, polícia, serviços sociais, educacionais e outros»


«Os que regressam devem ser tratados respeitando os princípios fundamentais de um Estado de Direito. No quadro do código penal, devem ser levados à justiça e punidos. Depois, se for caso disso, devem receber ajuda para serem reintegrados na sociedade. Retirar passaporte e nacionalidade, como alguns têm proposto, não resolve o problema, podendo agravar e exportar para a vizinhança»