Constança Cunha e Sá considera que a avaliação da troika «é arrasadora» para as previsões do Governo no Orçamento do Estado para 2015.

«É um orçamento feito às três pancadas, assente num lirismo em relação às metas. Todos consideram que as receitas fiscais estão muito sobrevalorizadas, portanto: adeus, crédito fiscal!», disse, na TVI24, referindo-se à promessa de devolução da sobretaxa de IRS.

«Temos o pior de todos os mundos: nem crescimento, nem consolidação orçamental», resumiu.