A cantora Melissa Schuman, ex-elemento da banda norte-americana "Dream", acusa Nick Carter, do grupo Backstreet Boys, de violação, quando ela tinha 18 anos e ele 22. 

Segundo a cantora, Nick Carter foi ter ao seu apartamento por causa de um projeto em que trabalhavam juntos. Ela refere que lhe disse que era virgem e que não queria fazer sexo antes do casamento, mas que o cantor a forçou a terem relações sexuais.  

O ex-membro da boysband, agora com 37 anos, nega as acusações.

“Estou chocado e triste com as alegações da Melissa. Ela nunca me mostrou, enquanto estávamos juntos, que o que fizemos não era consensual. Esta é a primeira vez que ouço esta acusação, quase duas décadas depois.”

As alegações de Melissa Schuman vêm na sequência de outra acusação contra o cantor. No mês passado, uma outra mulher acusou Carter e um amigo de assediá-la sexualmente em 2006. O representante do músico disse que a mulher inventou as acusações com o propósito de extorquir dinheiro. 

Nick Carter teve uma carreira bem sucedida enquanto membro da banda “Backstreet Boys”. Foram vendidos cerca de 130 milhões de álbuns em todo o mundo.