Os Rolling Stones cancelaram hoje o primeiro concerto da digressão australiana após a notícia da morte da companheira do vocalista do grupo Mick Jagger, informou o promotor da tournée.

«Não temos mais informações de momento. Os portadores de bilhetes devem mantê-los até nova indicação», disse a Frontier Touring, em comunicado.

Os Rolling Stones aterraram na segunda-feira num avião particular em Perth, na costa oeste da Austrália, onde deveriam atuar na quarta-feira, mas o concerto foi cancelado depois de a estilista norte-americana L'Wren Scott ter sido encontrada morta no seu apartamento em Nova Iorque.

O porta-voz do músico britânico afirmou na segunda-feira que Mick Jagger ficou «completamente chocado e devastado» com a notícia da morte da namorada de 49 anos.

L'Wren Scott, estilista e ex-modelo, foi encontrada já sem vida no seu apartamento de Manhattan, em Nova Iorque, nos Estados Unidos, aparentemente enforcada com um lenço à volta do pescoço. A hipótese de suicídio não está excluída, mas não havia nenhum bilhete de despedida.

L'Wren Scott ficou conhecida por vestir celebridades como Nicole Kidman, Amy Adams, Christina Hendricks, Penelope Cruz ou Oprah Winfrey.

A estilista e o vocalista dos Rolling Stones namoravam há mais de dez anos.