Um homem de 22 anos foi detido por ameaçar realizar um ataque no concerto da cantora Ariana Grande, na Costa Rica.

Caceido Lopez, de origem colombiana, foi detido numa operação policial, levada a cabo nas primeiras horas de domingo. O suspeito terá escrito várias mensagens ameaçadoras, em árabe, numa página de Facebook de promoção do concerto.

O concerto acabou por decorrer conforme o previsto, sem problemas, no domingo, na cidade de Alajuela, na Costa Rica.

Desde o atentado terrorista no fim do concerto de Ariana Grande, em Manchester, a segurança tornou-se mais apertada. De acordo com a BBC, os fãs tiveram que passar por três verificações de segurança para o concerto de domingo.

Tínhamos que verificar se existia uma real ameaça ou não, porque esta situação é muito sensível e pode resultar numa tragédia”, disse o chefe da polícia da Costa Rica, Walter Espinoza, em declarações à Costa Rica Star.

Entretanto, Ariana Grande já publicou uma imagem do concerto, na sua página de Instagram, mas sem fazer qualquer referência à ameaça e detenção de um suspeito.

A cantora tem agora agendados quatro concertos no México e, em agosto, continua a tour “Dangerous Woman” no Japão.

 

I love you, Costa Rica 🌙

Uma publicação partilhada por Ariana Grande (@arianagrande) a